close

Têm alguns ditados que eu levo ao pé da letra, entre eles, “Comer, comer, comer, comer. É o melhor para poder crescer.” Essa é minha filosofia de vida.  E comida brasileira tem o poder de encher meu coração! Acho que eu poderia falar isso em relação a qualquer tipo de comida, mas aquele sabor de casa realmente renova as energias. Aqui no Estados Unidos, a coisa dá uma intensificada. Aquela misturinha de fome com ansiedade, com saudade, com mudança de vida, com frustração, com felicidade… Ah não venham me dizer que a gente não é cachorro pra se recompensar com comida. É tudo tão intenso quando a gente muda de país, que é vida de cão, é vida de gado, e qualquer coisa que dá uma acalentada a gente quer. Comida boa não tem hora, não tem motivo. Toda hora é hora (bem-vindos à minha vida).

E nessas andanças de gordinha esfomeada, sempre se encontra um prato transbordando de comida brasileira por aí. O Pedro’s Brazil Café encheu meu coração e minha barriga. O restaurante fica em Berkeley, cidade universitária, que fica na Baía de San Francisco. O lugar é pequenininho e aconchegante, na frente do Berkeley Golden Bear Building, que é o campus dos estudantes internacionais da universidade.

O que eu comi?

Menu: Regular Rice Bowl – pork served over rice, cilantro garlic sauce, ranch, ricotta cheese, sliced bread and grilled onions.

O prato original é arroz, um molhinho de coentro, cebola grelhada e carne de porco. Eu pedi uma cumbuca de feijão extra, porque eu sou esperta 😉

O que tomar?

Considero uma pergunta boba, mas vamos lá: Guaraná. Tem caipirinha só no Happy Hour.

Como chegar?

Como eu não sou uma expert em transporte público, minha única sugestão é pegar o trem. O Bart tem um aplicativo que é bem intuitivo: tu coloca onde tu tá e onde tu quer ir. Da estação até o Pedro’s Brazil Café (da University Ave, porque eles têm outros restaurantes em Berkeley), é menos de 10 minutos de caminhada. Super fácil. Sempre dá pra dirigir, mas achar estacionamento não é fácil (essa informação vale para praticamente qualquer lugar pelos arredores de São Francisco).

Carne de porco, arroz e feijão – Foto: Fernanda Fell

 

Pergunta importante: é bem servido? Porção boa? Sim! Vem bastante comida. Eu comi tudo, mas porque minha mãe me ensinou a não deixar comida no prato. E como eu disse mais cedo, tem algumas coisas que eu levo bem a sério nessa vida.

Diquinha final:

Pra ficar por dentro das atualizações do cardápio e valores, eu aconselho checar a página do Pedro’s Café Brazil no Yelp. Neste país, caros amigos, tudo está disponível online. E antes de fazer qualquer coisa a gente dá um conferis nos aplicativos da vida.

Ah, e se tiver alguém aí se perguntando se eu consegui comer tudo… segue o registro para vocês sentirem orgulho de mim.

Porque é isso que eu chamo de um antes e depois justo
Tags : berkeleybrasileirabraziliancomidaculináriafoodgastronomiaGeralguaranárestaurante
Fernanda Fell

The author Fernanda Fell

Jornalista. Apaixonada por uma boa história. Dinda de príncipe e princesa. Minha mãe diz que fui criada pro mundo. Passarinho solto. Estou descobrindo a liberdade que as minhas asas podem me dar.

Leave a Response